terça-feira, 14 de julho de 2009

Menina com dois corações volta a viver com um só






Ela havia sido transplantada, mas o coração original não foi retirado e, uma década depois, voltou a funcionar.

Médicos da Grã Bretanha anunciaram a cura surpreendente de uma adolescente que, durante uma década, viveu com dois corações. A boa notícia é que ela não vai mais precisar desses corações. Quem conta essa história é o correspondente Marcos Losekann.

Lágrimas de alegria misturadas a sorrisos de alívio. E não faltam motivos. Quando era uma menininha de apenas um ano, Hanna Clark passou por uma cirurgia de transplante de coração.

Hanna sofria de cardiomiopatia, doença que faz o coração dobrar de tamanho e parar de funcionar.

O que tornou esse caso inédito foi a decisão que os médicos britânicos tomaram durante a cirurgia, há 15 anos.















Em vez de extrair o coração doente, eles decidiram deixá-lo na paciente, ''descansando'', bem ao lado do coração transplantado - que assumiu a tarefa de bombear o sangue.

Os médicos apostaram, que sem ter que trabalhar, o coração doente iria se recuperar. E foi exatamente isso o que aconteceu. Depois de uma década, o coração transplantado foi retirado, e o original voltou a funcionar normalmente.

.
Para a medicina é uma grande conquista. Agora, já se sabe que a cardiomiopatia pode ter cura. E os cientistas já estão desenvolvendo um coração artificial para ser usado enquanto o órgão doente descansa... Até poder voltar a bater com força, como aconteceu com o coração de Hannah.

Hoje, quatro anos depois da retirada do coração extra, a equipe médica deu alta definitiva à ex-doente.

Eles explicaram que, por muitos anos, Hannah viveu bem com os dois corações, mas começou a desenvolver problemas de saúde provocados pelos 17 remédios que ela tomava pra evitar a rejeição do órgão transplantado.

O jeito foi mesmo aposentar o coração doado. “Nunca perdemos a esperança”, disseram os pais. “Ganhamos nossa filha inteiramente de volta”.

Annah, agora com 16 anos, diz que mal pode acreditar no resultado: “Deu certo! Estou viva e livre do tratamento!!”.

No peito dela, um coração que não tinha mais força alguma, agora dispara. De alegria.

Fonte:http://jornalnacional.globo.com/Telejornais/JN/0,,MUL1230026-10406,00-MENINA+COM+DOIS+CORACOES+VOLTA+A+VIVER+COM+UM+SO.html .
--------------------------------------------------


Blog Biologia - Danbio - Seu blog site de biologia - bio blog - blog template biologia - blog de biologia

0 comentários:

 
Powered by Blogger