domingo, 6 de setembro de 2009

Saúde Bucal

Essa postagem é importante para quem esta tomando algum tipo de remédio...

Sim, os medicamentos podem apresentar efeitos colaterais na boca, dos quais a "boca seca" é o efeito colateral mais comum. Não deixe de informar seu dentista sobre os medicamentos que você está usando, mesmo aqueles que comprou sem receita médica.
Os seguintes medicamentos podem causar o ressecamento da boca:.

.
  • Anti-histamínicos (Antialérgicos);
  • Descongestionantes;
  • Analgésicos;
  • Diuréticos;
  • Medicamentos para pressão alta;
  • Antidepressivos.

Outros medicamentos podem causar inflamações, ulcerações, dormência,
formigamento, distúrbios de movimento, alterações do paladar e, durante a escovação ou do uso do fio dental, sangramento excessivo da gengiva. Se perceber quaisquer desses sintomas, consulte seu dentista ou médico.

Fonte: http://www.terra.com.br/saudebucal/colgate/condicoes_bocacorpo.html .
--------------------------------------------------

Postura incorreta é principal causa da temida dor de coluna

.Quem nunca sentiu uma dorzinha na coluna? Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que 85% da população mundial enfrenta ou vai enfrentar este mal durante a vida. O incômodo pode ter vários motivos, principalmente a postura incorreta em atitudes como andar curvado, ficar horas de frente para o computador e deitar ou sentar de forma errada. Também causam o problema levantar pesos excessivos, sedentarismo, obesidade, traumas, distúrbios hereditários etc.
.

.Além de exercer várias funções no organismo, como dar amplitude de movimento, a coluna propicia o equilíbrio e contribui para a locomoção. Não há idade específica para a dor aparecer, e deve-se ficar atento aos cuidados.
"A coluna é como uma máquina que precisa estar em perfeito funcionamento. Com o passar do tempo, e por conta de quedas e erros posturais, a coluna perde movimentos e doenças crônico-degenerativas aparecem", observa o quiropraxista Jason Gilbert.
A má postura pode causar desvios como escoliose, hiperlordose e cifose, até situações mais graves, como hérnia discal. Outros problemas são lombalgia (dor nas costas); dor na coluna cervical (pescoço); dor de cabeça ou cefaléia; dores nas articulações; tendinite do ombro e cotovelo e tensão muscular. "Muitas vezes as dores de cabeça não têm ligação neurológica. O problema está na coluna", afirma Gilbert.
O reumatologista Marco Antônio Bravo alerta que a dor nunca deve ser negligenciada. "O ideal é procurar um especialista para avaliar o caso. O que parece dor inofensiva, se não tratada adequadamente, pode agravar-se ao longo do tempo".
Para a atriz Karinna Anhê, 24 anos, ignorar as dores teve preço alto. "Eu dormia mal, malhava pesado e comecei a sentir muita dor nas costas, mas não procurei ajuda imediata. Quando fui ao médico, descobri que era uma contratura na coluna. A dor virou crônica e até hoje sinto. Faço massagem e acupuntura para amenizar".
Remédios e tratamentos
Analgésicos e antiinflamatórios, além de fisioterapia convencional, são usados no combate às dores de coluna. A intervenção cirúrgica ocorre em casos mais graves, como hérnia de disco. A quiropraxia, técnica de ajustes manuais, também promove o alinhamento da coluna. "A prática dedica-se a prevenção, diagnóstico e tratamento de problemas nas articulações, músculos, tendões e nervos", explica o quiropraxista Jason Gilbert.
Outros métodos que tratam e amenizam dores na coluna são: pilates, RPG (Reeducação Postural Global), massoterapia e acupuntura. Exercícios localizados, com foco na extenção de tronco, e alongamento também são indicados. "O alongamento, além de prevenir lesões, é essencial para o aquecimento e o relaxamento dos músculos. Deve ser incorporado antes e depois da rotina de exercícios físicos", finaliza o professor de Educação Física Washington Dória.
Faça o teste: como está a sua coluna?
Ombro e orelhas
Em frente a um espelho, fique com o corpo ereto e, de perfil, verifique se a ponta da orelha está alinhada com o ombro. Se ela estiver para frente ou para trás da linha do ombro, existe algum problema provocado pela má postura.
Barra da calça
Verifique a barra da calça. Dobre-a dos dois lados. Se tiver que dobrar um lado mais que o outro, pode haver um desnível, também provocado pela postura errada da coluna.
Glúteos
Veja se um glúteo está mais saliente que o outro. Se o corpo estiver desnivelado, a parte do glúteo que está sendo "forçada" acaba ficando maior que a outra, indicando desvio na coluna.
Sola gasta Observe se o solado de seu sapato está gasto igualmente nos dois pés. Quando a coluna está fora do lugar, há desgaste maior em um dos solados.
Quadris
Fique de pé e, com a coluna ereta, verifique se os seus quadris estão na mesma altura. Quando existe algum problema na coluna, geralmente um lado do quadril fica mais alto que o outro.
Mobilidade
Verifique sua mobilidade. Tente agachar e levantar. Se notar dificuldades de mobilidade e falta de equilíbrio, isso indica problemas na coluna.
Pescoço
Vire o pescoço para a direita e para esquerda, e observe se há dificuldade na hora de realizar os movimentos. Problemas na coluna podem limitar os movimentos do pescoço.
Resultado
Se você se identificou com alguma das situações acima, procure um médico o mais rápido possível para que ele possa fazer o diagnóstico e indicar o tratamento ideal.


Fonte: http://saude.terra.com.br/interna/0,,OI3960534-EI1497,00-Postura+incorreta+e+principal+causa+da+temida+dor+de+coluna.html .
--------------------------------------------------

Assistindo a Vida

Carregando...

 
Powered by Blogger